A Passagem - Justin Cronin

""15 páginas são suficientes para cativá-lo; depois de 30, você se descobrirá prisioneiro, lendo noite adentro. Um livro com a força dos épicos.” – Stephen King".
Olá meus lindos! Estava com saudades de vocês! Sei que dei uma sumidinha, mas é que minhas provas começaram e está uma correria completa nesse fim de semestre, mas se Deus quiser já já termina e estarei de férias dedicando meu tempo só para vocês!
Em meu último post disse que não havia começado nenhum livro novo, que estava apenas relendo Harry Potter, mas acabei começando um livro depois disso (e que livro!) e já terminei ele também, por isso hoje venho lhes contar a incrível história de "A Passagem" de Justin Cronin.

Título: A Passagem
Autor: Justin Cronin
Editora: Sextante
Páginas: 816
Ano: 2010

Sinopse: Primeiro, o imprevisível: a quebra de segurança em uma instalação secreta do governo norte-americano põe à solta um grupo de condenados à morte usados em um experimento militar. Infectados com um vírus modificado em laboratório que lhes dá incrível força, extraordinária capacidade de regeneração e hipersensibilidade à luz, tiveram os últimos traços de humanidade substituídos por um comportamento animalesco e uma insaciável sede de sangue. Depois, o inimaginável: ao escurecer, o caos e a carnificina se instalam, e o nascer do dia seguinte revela um país – talvez um planeta – que nunca mais será o mesmo. A cada noite, a população humana se reduz e cresce o número de pessoas contaminadas pelo vírus assustador. Tudo o que resta aos poucos sobreviventes é uma longa luta em uma paisagem marcada pelo medo da escuridão, da morte e de algo ainda pior. Enquanto a humanidade se torna presa do predador criado por ela mesma, o agente Brad Wolgast, do FBI, tenta proteger Amy, uma órfã de 6 anos e a única criança usada no malfadado experimento que deu início ao apocalipse. Mas, para Amy, esse é apenas o começo de uma longa jornada – através de décadas e milhares de quilômetros – até o lugar e o tempo em que deverá pôr fim ao que jamais deveria ter começado. 

"15 páginas são suficientes para cativá-lo; depois de 30, você se descobrirá prisioneiro, lendo noite adentro. Um livro com a força dos épicos.” – Stephen King

Resenha: a opinião de nosso querido Stephen King já traduz tudo! É um livro bem longo, porém quando você termina fica ansiando por mais, parece que aquelas 800 páginas passaram num piscar de olhos. Chega um momento que é impossível parar de ler, tanto que começou até a atrapalhar um pouco meus estudos, pois começava a ler e a cada página era uma nova aventura e uma nova descoberta e se tornava uma tarefa impossível parar a leitura. Bom, vou me atentar a sinopse para escrever a resenha, afinal acho que todos leem as sinopses antes de começar um livro, então só vou comentar até onde a sinopse vai para não dar spoilers e revelar demais.
Sem dúvida alguma foi um dos melhores livros que já li, e olha que é muito difícil eu dizer isso, já li muitos livros, mas sempre sou um pouco crítica na escolha dos melhores, e esse sem dúvidas é um deles. Eu não saberia ao certo classificar essa história, pois para mim ela tem todos os elementos de que precisam os bons livros, é uma mistura de ficção científica, terror, suspense, aventura, fantasia, romance e muitos fatos surpreendentes. Acho que ele deveria ter uma classificação própria, pois se encaixa em tantas categorias! Eu só queria entender porque esse livro não foi muito divulgado, afinal ele é perfeito, mas só o conheci há pouco tempo e já me apaixonei pela história.
A história é dividida em partes, antes que aconteça aquilo que nos conta a sinopse, descobrimos o que aconteceu para chegar a essa infestação de "vampiros". O enredo se inicia contando a história da pequena garotinha Amy, que logo no início percebemos que algo grande está relacionado à ela e à sua história. Outras histórias de outras pessoas vão sendo contadas no caminho e no começo até ficamos um pouco perdidos sem entender o porque de tudo aquilo, mas acreditem, existe um porque, e no fim todas essas histórias vão se cruzar de uma maneira incrível!
Amy e outros dois prisioneiros sentenciados à morte, acabam sendo envolvidos em um projeto que pretende tornar os humanos praticamente imortais, mas aí adivinhem o que acontece? Obviamente o plano vai por água a baixo e dá tudo errado, as cobaias acabam escapando e saem pelo mundo espalhando o vírus em todos os serem que possuem sangue correndo nas veias, e logo o mundo se torna completamente hostil à sobrevivência humana. Enquanto isso Amy consegue fugir junto com o agente Wolgast, e vivem em uma montanha enquanto o mundo pouco a pouco vai acabando.
E essa é a primeira parte da história, que dura acho que umas 300 páginas (óbvio que eu não coloquei tudo, acontece muuuuuita coisa). Já na segunda parte o mundo já está acabado, passaram-se quase 100 anos e muitas das pessoas que passaram por todo aquela infestação já não estão mais vivas (exceto algumas), e os filhos e netos dessas pessoas só conseguiram sobreviver pois estavam protegidos em uma base que foi montada pelo Exército no "Tempo de Antes", onde estão isolados e sem notícias do que há lá fora e se ainda existe vida.
Bom, paro por aqui pois não quero estragar as surpresas que há pelo caminho. O que realmente interessa, é que é um ótimo livro. Muitos que leram até aqui devem estar pensando que não parece uma história muito original, afinal ocorre algo parecido com a extinção humana devido à um vírus que se espalhou de maneira desordenada e a humanidade acaba infestada de seres como "vampiros", mas que para mim não se parecem em nada com vampiros, na verdade nem são citados no livro como vampiros, isso é o que diz as resenhas e opiniões que li. E junto a isso tem pessoas dispostas à tudo para livrar o mundo desses seres. Mas acreditem: esse livro é diferente, você se envolve na história de tal maneira que é impossível parar de ler, os personagens são cativantes e quando você vê já está tão ligada a eles, que se algum morre ou some você acaba chorando junto. A história é cheia de altos e baixos, onde você nunca sabe o que pode acontecer na próxima página, e quando você pensa que as surpresas acabaram, lá vem mais um acontecimento que dá uma reviravolta completa. É uma história com elementos já existentes em outras histórias (zumbis, vampiros, dracs, fumaças, virais, como preferir) como em Resident Evil, mas ao mesmo tempo completamente diferente e original. Os personagens são bem mais trabalhados, vemos algo diferente na Amy bem antes da contaminação, e o jeito como são descritos cada personagem e seus sentimentos, torna a história bem mais interessante e fantástica que aquelas que vemos em livros com os mesmos elementos.
Enfim, eu mega recomendo a leitura, achei o autor genial e a história, apesar de não parecer, completamente original e única.
"A Passagem" é uma trilogia, o segundo livro se chama "Os Doze" e já temos aqui no Brasil (não vejo a hora de ler) já o terceiro ainda não foi lançado aqui, mas a previsão é para esse ano.



Essa é uma imagem que achei na internet, que diz ser um viral, o desenho é do próprio livro, mas deve ser de uma versão internacional, já que no livro que li não tem essas imagens. E eu não imaginava os virais assim, para mim eles mais pareciam o Hulk com muitos dentes grandes, pontiagudos e fluorescentes (que é mais ou menos como são descritos no livro) kkkkkkkk
E para aqueles que leem os livros e depois gostam de assistir ao filme, a Fox comprou os direitos sobre o livro e em breve teremos um filme que se for fiel ao livro será perfeito!


Eu adorei essa parte do livro, realmente são mais interessantes que as pessoas! kkkkk


Esse aí em cima é o histórico da minha leitura, como podem ver chega um momento que é impossível parar de ler, a história vai se desenrolando e os porquês vão sendo revelados e a única coisa que você consegue pensar é: esse cara é um gênio!


E esse é um dos mapas usados pelos personagens para explorar as terras desabitadas. Esse mapa e algumas outras imagens estão disponíveis no site oficial do autor, que é esse AQUI.

22 comentários. Clique aqui para comentar também.:

gaby jovem disse... [Responder comentário]

adorei a resenha, agora estou super ansiosa para ler, eu so n tinha pegado ele antes por que achei que seria mais uma historia cliche sobre como a humanidade acabou por causa de um virus e tal, mas ja que vc diz que e diferente entao vou dar uma chance a ele

Fanni Alves disse... [Responder comentário]

Sua opinião com certeza me cativou muito mais sobre esse livro! Acho que nunca li nada do tipo e agora estou bem curiosa para ler A Passagem.

Gabriel Luan disse... [Responder comentário]

Particia, tenho medo de ler esse livro pelo tamanho, pois nunca me aventurei em algo assim, mas só vejo resenhas positivas. Essa capa me remete bastante à A Cabana e só isso achei que não ficou tão legal.

Bjs,
leemporai.blogspot.com

sthefany gomes disse... [Responder comentário]

Amei sua resenha,obrigada por te me dado o recado la no Skoob.
Bjs

Aline Coelho disse... [Responder comentário]

Patricia que saudades. Que máximo que vc voltou \o/ amei seu recadinho lá no blog =) que resenha perfeita, parabéns!!!! A tempos quero ler essa série, mas por ser enorme estou adiando, mas com sua opinião fiquei mega curiosa. Vou correndo add a minha lista de aniversário (julho). Ótimo saber que provavelmente o final dessa trilogia será lança desse ano!!!!
Espero que vc leia a sequência em breve para que eu possa saber se é tão bom quanto o primeiro!!!
Linda desejo sucesso no seu final de semestre ok!!!! Bjos e ótimo fim de semana!!!

P.s. Vc viu que está rolando duas promoções lá no blog??? Está participando!!????

Leituras, vida e paixões!!!!

Kel Araujo disse... [Responder comentário]

Oi, Pat, tudo bem?

Nossa, por um momento achei que o livro fosse do mesmo autor de A Cabana! As capas são muito parecidas, mas pelo jeito não tem nada a ver huahuahuahua. Não sei se leria esse livro porque não faz muito o meu gênero, mas confesso que fiquei curiosa, ainda mais sabendo que esse é daqueles livros que você não consegue largar.

beijos
Kel
www.porumaboaleitura.com.br

Diana Canaverde disse... [Responder comentário]

Oi Patricia, tudo bem???
Estava com saudades... eu sei como os estudos nos prende, mas o importante é passar dessa fase com boas notas... depois vem o prazer com os livros rs. Gostei muito da resenha, adorei a premissa que você colocou viu... parece ser uma daquelas histórias de tirar o fôlego e eu adorei o desenho do mapa... Eu já tinha visto esse livro nas livrarias, mas pela capa não tinha chamado a minha atenção daí deixei passar... Mas lendo sua resenha, eu mudei de ideia haha.. Xero!!!

http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

ludmillaneres disse... [Responder comentário]

Parece incrível! Mas no momento tenho tantos afazeres que não posso me prender a um livro tão grande. Gosto muito do gênero científico e terror, apesar de não ler com frequência.
beijo
http://eu-ludmilla.blogspot.com.br/

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Obrigada, fico feliz que tenha gostado! Pode ter certeza que não é uma história nem um pouco clichê! hahaha Me conte depois o que achou!
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Que bom que consegui te convencer! hahaha É uma história fantástica, tenho certeza que você irá gostar.
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Para tudo tem uma primeira vez, então tente dar uma chance a esse livro que você vai se apaixonar por livros grandes, ainda mais se eles forem perfeitos como A Passagem!
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Obrigada, fico feliz que tenha gostado!
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Oi Alineee! Estava morrendo de saudades de vcs tbm! Obrigada, fico muito feliz que tenha gostado! É muito boa a trilogia, leia sim que você vai se apaixonar! Pretendo ler a continuação agora nas férias de julho, vamos ver se consigo!
Obrigada Aline, se Deus quiser passarei em tudo e logo estarei de férias.
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Olá Kel! Muita gente pensa isso! kkkkk quando fui ver resenhas sobre ele achei um monte de gente falando que não leu porque achou que era continuação da Cabana! Mas é completamente diferente kkkkk
Um dia quem sabe você não dê uma chance a ele né hahaha
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

Olá Diana! Tbm estava com saudades de vcs! Olha estou me esforçando bastante para conseguir essas boas notas viu kkkkk aí já entro logo em férias e posso me dedicar mais ao blog. Fico feliz que tenha gostado da resenha, é realmente uma história fantástica que te prende do início ao fim. Tente dar uma chance a ele!
Beijo!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

É realmente fantástico Ludmilla! Quando tiver um tempinho dê uma chance a ele que você não vai se arrepender.
Beijo!

Sabaokk disse... [Responder comentário]

Li os dois primeiros livros...são muito bons!!!
Recomendo!!!

Patricia Martins Bueno disse... [Responder comentário]

São perfeitos né? Recomendadíssimo!

Ana Lucia disse... [Responder comentário]

nossa eu quero esse livro p mim ele parece otimo

Beatriz Navegantes disse... [Responder comentário]

Patricia, adorei o blog! A resenha está perfeita e adooorei o livro. Parece que encontrei uma gêmea bibliófila rs.

Anônimo disse... [Responder comentário]

Estou lendo no Kindle. apenas começando e que começo. Em todo lugar que leio comentarios a grande maioria é mulher?

Ronaldo Gonçalves disse... [Responder comentário]

para adiantar outras leituras eu dei uma parada nele, mas vou retomar assim que puder. A escrita do Justin é muito consistente. Ele pinta os personagens com muita realidade.
Eu quero começar essa série, mas pelo que li no skoob, a editora parou de publicar no Brasil. Aí não dá né?

http://porquelivronuncaenguica.blogspot.com.br/2014/04/sete-criancas-que-tocaram-o-terror.html

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Topo